ENFERMAGEM E SEUS SÍMBOLOS

ENFERMAGEM E SEUS SÍMBOLOS
LAMPARINA UMA LUZ PARA OS NECESSITADOS
Loading...

Pesquisar este blog

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Cálculo de Gotejamento de Soro

Existem alguns conhecimentos básicos em Enfermagem, o cálculo de gotejamento de soro é um deles, mesmo com facilidades das confiáveis Bombas de Infusão muito comuns principalmente em UTIs, o profissional de enfermagem precisa saber e muito bem tanto como calcular o gotejamento do soro tanto em Cálculo de Gotejamento de Soro. O cálculo de velocidade de gotejamento em equipo macrogotas exige dois passos, mas é muito simples e de fácil memorização.

Fórmula gota

O numero de macrogotas (ou gotas, é o mesmo) por minuto é:
Volume total em ml dividido pelo numero de horas a infundir vezes 3.

Entenda que é de fácil memorização, e o mais comum tipo de controle de infusão, o único a mais é que o numero de horas é multiplicado por 3 e esse numero é o que usamos para dividir o tempo.

O tempo é multiplicado por três por um simples motivo que explicarei logo mais.

Segue um exemplo prático:

O cálculo para gotejamento com equipo de microgotas é ainda mais simples que o anterior pois só tem um passo. O numero de microgotas por minuto é:

Volume em ml dividido pelo numero de horas a infundir, só isso!

Fórmula microgotas

Como perceberam a relação entre microgotas por minuto e ml por hora é igual, uma regra de ouro é que o numero de microgotas é igual a quantidade de ml hora infundido:

Se você precisa infundir 40ml por hora é só controlar 40 microgotas por minuto.

Exemplo microgotas

Agora que você já conhece bem gotas e microgotas, posso explicar porque na fórmula de gotas é multiplicado o tempo por 3 e na de microgotas não, vai mais uma regra de outro, uma gota contém 3 microgotas, por isso da multiplicação na fórmula anterior.
Guardando esses conceitos que repito, são de fácil memorização o profissional de enfermagem nunca vai passar grandes apuros em cálculo de gotejamento.
Para concluir normalmente o resultado é arredondado da seguinte forma, até antes de meio é arredondado para baixo, igual ou passou de meio é arredondado para cima.

Por exemplo, 27,4 será 27gt/min (27 gotas por minuto) já 27,5 será 28 gt/min.

Seguem dois exercícios para treino, procure faze-los antes de ver o resultado, e evite usar calculadoras, faça primeiro as contas "na mão" mesmo isso melhora o raciocínio.

Foi prescrito para um paciente internado em clínica médica nas 24 horas: Soro fisiológico a 0,9% 1000 ml iv + Soro glicosado 5% 1000 ml iv. Qual deve ser gotejamento ser calculado?

A) 14 gotas/minuto
B) 21 gotas/minuto
c) 28 gotas/minuto
D) 30 gotas/minuto

nº gts = volume total dividido pelo nº horas x 3

nº gts= 2000 / 24 x 3 ( entenda o "/" como dividido)
nº gts = 2000 / 72

nº gtas= 27.77777 arredondados 28

Resposta "C", 28 gotas/minuto.

Foi prescrito para um paciente internado em clínica médica nas 24 horas: Soro fisiológico a 0,9% 1000 ml iv + Soro glicosado 5% 1000 ml iv. Qual deve ser gotejamento em micro-gotas?

http://www.cepatsc.com.br Fornecido por Joomla! Produzido em: 20 August, 2009, 02:54

A) 28 micro-gotas/min
B) 83 micro-gotas/min
C) 40 micro-gotas/min
D) 65 micro-gotas/min

nº microgotas = volume total / nº horas
nº microgotas = 2000 / 24

nº microgotas = 83,3333333

arredondando= 83 microgotas

Resposta "B" 83mgt/min

Pratique sempre, evite usar a calculadora para as contas diretamente, as use só depois de fazer o cálculo na mão para
conferir, treinar cálculo desenvolve o raciocínio e exercita a mente.

TABELA DE GOTEJAMENTO DE SORO

TABELA DE GOTEJAMENTO DE SORO

Quantidade 500 ml 1000 ml 2000 ml

Nºhoras Nºgotas Nºgotas Nºgotas

24 7,0 14,0 27,0

18 9,0 18,0 37,0

12 14,0 27,0 55,0

10 16,0 33,0 66,0

8 21,0 42,0 83,0

6 27,0 55,0 111,0


Obs.: 1) Para controle mais preciso de gotejamento e quantidade a ser infundida existem aparelhos apropriados, como a bomba infusora.

CÁLCULO DE MEDICAÇÃO

http://mandrake.mat.ufrgs.br/~mem023/20072/liliane/cmedicamentos.html


http://ivancampos.com.br/calculos


http://www.portalfarmacia.com.br/farmacia/principal/conteudo.asp?id=7921


http://www.sinprafarmas.org.br/Atuali_Balconista/calculos.htm

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Injeção Intramuscular (Fórmulas)

Introdução da medicação dentro do corpo muscular;
Para introdução e substância irritante com doses até 5 ml, efeito relativamente rápido, pode ser veículo aquoso ou oleoso;
a seringa é de acordo com o volume a ser injetado;
a agulha varia de acordo com a idade, tela subcutânea e solubilidade da droga;
agulhas: 25x7/8, 30x7/8;
locais de aplicação: distantes vasos e nervos, musculatura desenvolvida, irritabilidade da droga (profunda), espessura do tecido adiposo, preferência do paciente.

Região Deltóide:
Traçar um retângulo na região lateral do braço iniciando de 3 a 5 cm do acrômio (3 dedos), o braço deve estar flexionado em posição anatômica;
Não pode ser com substâncias irritantes acima de 2 ml.

Região dorsoglútea:
Traçar linha partindo da espinha ilíaca póstero-superior até o grande trocânter do fêmur, puncionar acima desta linha (quadrante superior externo);
Em dorso lateral (DL): posição de Sims;
Em pé: fazer a contração dos músculos glúteos fazendo a rotação dos pés para dentro e braços ao longo do corpo.

Região ventroglútea (Hochsteter)
Colocar a mão E no quadril D, apoiando com o dedo indicador na espinha ilíaca ântero-superior D, abrir o dedo médio ao longo da crista ilíaca espalmando a mão sobre a base do grande trocânter do fêmur e formar com o dedo indicador um triângulo. Se a aplicação for feita do lado esquerdo do paciente, colocar o dedo médio na espinha ilíaca ântero-superior e afastar o indicador para formar o triângulo. A aplicação pode ser feita em ambos locais.
Região face ântero-lateral da coxa:
Retângulo delimitado pela linha média anterior e linha média lateral da coxa, de 12 a 15 cm abaixo do grande trocânter do fêmur e de 9 a 12 cm acima do joelho, numa faixa de 7 a 10 cm de largura;
Agulha curta: criança 15/20, adulto 25;
Angulação oblíqua de 45º em direção podálica;
Aplicação: pinçar o músculo com o polegar e o indicador, introduzir a agulha einjetar lentamente a medicação, retirar a aguhla rapidamente colocando um algodão, massagear por uns instantes.